• Notas
  • Editoriais

Nota de apoio ao Padre Ticão e à Paróquia São Francisco de Assis

Nos últimos dias, a Paróquia São Francisco de Assis, localizada na região de Ermelino Matarazzo, em São Paulo, vem sendo alvo de ataques violentos de grupos extremistas da Igreja Católica. A reação foi iniciada durante a 36ª Semana da Juventude, realizada pelo grupo da comunidade Renovação Jovem. Entre as atividades atacadas estavam uma roda de […]

13 Anos de Lei Maria da Penha: contra o desmonte das políticas públicas de proteção e atendimento às mulheres que sofrem violência!

A Lei Maria da Penha completa 13 anos neste 7 de agosto de 2019. Fruto de uma vitória da articulação e da luta das mulheres, a lei determina, entre outras medidas, que “o poder público desenvolverá políticas que visem garantir os direitos humanos das mulheres no âmbito das relações domésticas e familiares no sentido de […]

Nota de solidariedade com religiosos/as, presos/as, por defenderem famílias imigrantes e pessoas refugiadas

Nós, Católicas pelo Direito de Decidir denunciamos aqui a política migratória do atual governo dos Estados Unidos que prejudica pessoas imigrantes, refugiadas e requerentes de asilo. A instalação de centros de detenção na fronteira com o México, dos quais se tem notícia de haver tratamentos desumanos, deportações, separação das crianças de suas famílias, sem direito […]

Católicas: há 25 anos na luta pela vida das mulheres!

Nestes 25 anos de caminhada, Católicas pelo Direito de Decidir é um dos fios que compõem a tecitura da resistência feminista no Brasil. A organização foi e continua sendo pioneira na defesa dos direitos das mulheres a partir das costuras sempre possíveis entre feminismo e religião, encorajando outras mulheres de fé a exercerem sua autonomia […]

Católicas feministas brilham em ato histórico no Festival de Cannes 2019

O tapete vermelho do mais famoso festival europeu de cinema ficou verde no último sábado (18/05). Dezenas de ativistas argentinas levantaram bandeiras e lenços verdes no Festival de Cannes reivindicando o aborto legal, seguro e gratuito. O ato contou com a participação de Marta Alanis, Lola Guerra e Victoria Tesoriero, integrantes das Católicas por el […]

Entre a justiça e a arbitrariedade – ou a banalidade do mal

Ler ou reler Hannah Arendt no atual contexto político brasileiro pode ser uma boa ajuda. A reconhecida filósofa judia alemã solicitou à revista em que trabalhava cobrir, em Jerusalém, o julgamento do carrasco nazista Adolf Eichmann, em 1961. Esperava-se dela, uma vítima do nazismo alemão, um relato apaixonado de condenação. Mas, ela, reconhecendo a culpabilidade […]